sábado, 20 de fevereiro de 2016

Boas lembranças contra o Sport


Fotografia de Peu Ricardo

BOAS LEMBRANÇAS CONTRA O SPORT

William Tavares

Fazer boas atuações diante do Sport é quase uma especialidade do goleiro Tiago Cardoso. Quando o confronto é contra o Leão, o camisa 1 do Santa Cruz costuma ser decisivo. O tricampeonato Pernambucano (2011-2013) é uma prova disso. Muito do rótulo de ídolo se deve, indiretamente, ao rival. E no Clássico das Multidões deste domingo, na Ilha do Retiro, Tiago espera ser decisivo novamente. Para ajudar o Santa a sair com os três e aumentar o acervo de bons momentos que diverte um integrante em especial da família Cardoso.
“Os três títulos que tive aqui ficaram marcados. Meu filho até hoje coloca os vídeos (dos clássicos) para assistir. Essa semana mesmo ele me pediu para botar novamente. Fica difícil esquecer. Mas precisamos olhar para frente. São equipes diferentes e será um novo jogo. Vamos trabalhar para sair com a vitória”, afirmou o goleiro.
Com a experiência de ter disputados vários clássicos na carreira, Tiago mostrou que não teme a cobrança da torcida. “É preciso estar pronto quando se é exigido. Já tenho esse legado que a torcida passou, mas não fico pensando nisso. Cada jogo é uma história diferente. Espero que eu possa me sair bem e o grupo também, até porque o conjunto precisa prevalecer para que gente consiga o resultado”, explicou.
Um dos cuidados que o goleiro citou como primordial no Clássico das Multidões é a bola aérea do Sport. Cinco dos seis gols marcados pelo Leão na temporada foram de cabeça. “Sabemos que eles vão buscar esse tipo de jogada. Nossa equipe tem levado poucos gols dessa forma e vamos entrar concentrados na partida. Não podemos prever o que vai acontecer, mas vamos trabalhar para sairmos bem não só na bola aérea, mas com ela no chão também”, citou.
Fonte: Blog de Primeira, Folha de PE, Recife, 19/02/2016

Nenhum comentário: