domingo, 17 de janeiro de 2016

As alternativas corais para 2016


AS ALTERNATIVAS CORAIS PARA 2016

O Santa Cruz de 2016 ainda não trouxe nenhum nome de peso. No gol, apesar da vinda de Edson Kölln, dificilmente Tiago Cardoso perderá o posto de titular. O mesmo vale para o lateral-direito Vítor, que não deve ser banco do jovem Lucas Ramon. Na lateral esquerda, a briga é mais complicada. Allan Vieira terá a sombra de Tiago Costa. Sem contratações para a zaga, a tendência é que Alemão e Danny Morais continuem entre os titulares. Com apenas Wellington Cézar de primeiro homem de marcação, o atleta formado nas categorias de base do clube segue sem concorrência.
No meio, Daniel Costa e João Paulo iniciam a temporada com o respaldo de um bom desempenho em 2015. Mas o técnico Marcelo Martelotte tem boas opções no banco caso queira deixar o meio-campo mais defensivo, com a entrada do volante Dedé. Para manter a ofensividade, tem disponível Pedrinho Botelho e Raniel.
O ataque é o setor mais concorrido. Em tese, sobra uma vaga para quatro jogadores, considerando que o centroavante Grafite é titular absoluto. Lelê, remanescente da campanha de 2015, também deve permanecer na equipe principal. Keno, Wallyson, Arthur e Italo lutam pelo espaço restante.

Fonte: Blog de Primeira, Folha de PE, Recife, 16/01/2016

Nenhum comentário: