quinta-feira, 14 de janeiro de 2016

A volta de Tiago Costa


A VOLTA DE TIAGO COSTA

Pela terceira vez na carreira, o lateral-esquerdo Tiago Costa vestirá a camisa do Santa Cruz. “Repatriado” após uma passagem pela Chapecoense, o lateral explicou a opção por voltar ao time pernambucano, se defendendo também de acusações departe da torcida devido suas saídas “conturbadas” do Tricolor.
“Sei que não agradou a forma que eu saí do Santa para o Ceará (2014). Tenho consciência disso. Mas a minha ida para a Chapecoense (2015) foi conversada com a diretoria. Foi uma situação em que o clube não teria como chegar no valor que foi oferecido para mim. Cheguei a ver muitos comentários me chamando de ‘mercenário’, mas isso precisa ser administrado. Essa é a nossa vida. Os torcedores precisam entender que temos família. A carreira de jogador é curta e não envolve só dinheiro, mas também valorização”, afirmou.
Tiago Costa também explicou que o seu vínculo com o Santa não será até o final da temporada, mas apenas até o término do Campeonato Pernambucano. Os detalhes do contrato, porém, continuam em sigilo. “Foi uma conversa minha com a diretoria. A decisão (do contrato) foi de ambas as partes e não posso passar nada porque foi uma situação interna”, frisou.

CONCORRÊNCIA

Com a permanência de Allan Vieira no elenco, Tiago Costa sabe que terá que trabalhar forte para convencer o técnico Marcelo Martelotte a mexer na base titular que terminou a temporada 2015 com o acesso à Série A.
“Eu acompanhei os jogos do Santa na Série B. Allan é um excelente jogador e o clube foi feliz em contratá-lo. Tem bastante força física. A decisão de quem jogão ou não será do treinador. O importante é formar um grupo forte, com duas peças de excelente qualidade para cada posição”, detalhou.

Fonte: Blog de Primeira, Folha de PE, Recife, 13/01/2015

Nenhum comentário: