terça-feira, 22 de dezembro de 2015

Campanha de sócios


CAMPANHA DE SÓCIOS

Yuri de Lira

Apesar da conquista do último estadual, da vinda do ídolo Grafite e do retorno à Série A, o Santa Cruz vai terminar 2015 sem atingir os 20 mil associados que a própria presidência havia estipulado no início do ano. Hoje, a quantidade de sócios titulares, diga-se, é apenas pouco mais da metade disso. Para trazer mais a torcida para dentro do clube e torná-la, definitivamente, uma das principais fontes de receita na próxima temporada, o Tricolor já traça outras estratégias, que devem ser divulgadas em breve.
Responsável pelas campanhas de sócios do Santa, Dênis Victor Oliveira tem pronto um novo projeto para apresentar à diretoria durante esta semana. Só precisa do aval da cúpula coral para oficializá-lo. Sem querer adiantar muitos detalhes antes da anuência do presidente, falou aoSuperesportes que as categorias dos sócios serão agora também vinculadas aos setores do estádio do Arruda - semelhante ao que faz o rival Sport, na Ilha do Retiro. Sendo assim, os associados não ficaram só limitados à área das sociais durante os jogos do time.
“Cada parte do estádio vai ter um plano para o torcedor. Estamos no fim do planejamento e, por volta da quarta-feira, vamos ter definições caso a diretoria dê sinal verde”, falou Dênis Victor. Para o torcedor se associar ao clube em 2016, os preços também estarão mais em conta.
Dênis segue confiante na nova estratégia e pretende, inclusive, cumprir ou chegar perto da marca estabelecida por Alírio para o ano que vem, em que o clube contaria com 40 mil sócios. “Mesmo não tendo chegado ao que gente pretendia em 2015, pensamos em fechar o próximo ano com mais de 30 mil sócios, chegando bem perto dos 40 mil.” Em princípio, com o Santa ainda sem dinheiro das cotas de tv e patrocínio, reforços midiáticos como Grafite não virão para ajudar nesta batalha. “Pensamos mais por uma boa elaboração de um projeto que na chegada de um atleta”, avisou Dênis.

O crescimento do quadro em 2015

Apesar de números ainda módicos de sócios, é inegável que o clube teve um grande incremento no quadro nesta temporada. Primordialmente, devido à contratação de Grafite. No fim de junho, quando o camisa 23 foi anunciado, o Santa contava com ínfimos 4.332 sócios titulares. Hoje, são 10.406 (15.000 contando com dependentes). Houve um aumento de 140%. Crescimento, porém, insuficiente para se chegar à meta do presidente.

Atual campanha de sócio: “Sou Santa Cruz de Corpo e Alma”
Planos
R$ 15 (sem fronteira), R$ 30 (torcedor) e R$ 50 (família)

Sócios
10.406 sócios titulares (15.000 ao todo)

Meta de 2015
20 mil sócios

Percentual da meta atingido52%

27 mil sócios
Recorde de sócios do Santa Cruz, em 1999

40 mil sócios
Meta para o fim de 2016

45 mil sócios
Meta para o fim de 2017
Fonte: Diario de Pernambuco, Recife, 20/12/2015

Nenhum comentário: