domingo, 25 de outubro de 2015

Atlético-GO 0 x 0 Santa Cruz


ATLÉTICO-GO 0 x 0 SANTA CRUZ

Artur Morais

Com um caminhão de chances perdidas no 2º tempo, o Santa Cruz empatou sem gols para o Atlético/GO, neste sábado (4), no Estádio Serra Dourada, pela 32ª rodada da Série B. Com o resultado, o Tricolor subiu para 6ª posição e ficou a cinco pontos do G4. Na próxima rodada, os pernambucanos enfrentam o Criciúma, na próxima terça-feira (27), às 21h30, no Arruda.
Na primeira etapa, o Santa Cruz teve mais posse de bola e tomou a iniciativa de jogo. Porém, errava muitos passes e não conseguia criar jogadas de perigo porque pecava no último passe. Procurava chegar ao ataque nas bolas aéreas para Anderson Aquino e saía em velocidade. A equipe mandante oferecia a bola ao Tricolor e tentava sair nos contra-ataques. Sua principal arma era a bola aérea e os chutes de fora da área.
O 2º tempo começou com o Atlético/GO melhor. Explorava os contra-ataques e chegando com muito perigo nas bolas aéreas. Aos sete minutos, Júnior Viçosa disparou pela direita e cruzou. Anderson Leite, sozinho na marca do pênalti, cabeceou à direita. O Tricolor criou algumas jogadas de ataque, mas a finalização era falha e pecava no último passe. A chegada mais perigosa ocorreu aos nove. Daniel Costa levantou da esquerda e Luisinho chegou atrasado.
A equipe goiana partia para o ataque e deixa espaço para os contra-ataques do adversário. O time do Arruda criava mais jogadas de ataque, mas deixou a desejar na finalização. Com as entradas de Bruno Moraes e Raniel, os comandados por Marcelo Martelotte melhoraram na velocidade, mas as chances desperdiçadas eram grandes. As jogadas pelo alto não funcionava e por terra muito menos. O Atlético/GO passou a ser pressionado pelos visitantes e pouco ameaçava. No último lance do jogo, Willie soltou a bomba e Tiago Cardoso fez grande defesa, evitando a derrota Tricolor.

FICHA TÉCNICA

ATLÉTICO-GO: Márcio, Éder (Bruno Moura), Marcus Winícius, Samuel e Eron; Pedro Bambu, Anderson Leite e Jorginho (Giancarlo); Arthur, Willie e Júnior Viçosa (Junlinho). Técnico: Gilberto Pereira.

SANTA CRUZ: Tiago Cardoso; Vítor, Alemão, Danny Morais e Marlon; Wellington, João Paulo, Daniel Costa (Raniel), Lelê (Bruninho) e Luisinho; Anderson Aquino (Bruno Moraes). Técnico: Marcelo Martelotte.

Local: Estádio Serra Dourada, em Goiânia/GO. Árbitro: Daniel Nobre Bins (RS). Assistentes: Jorge Eduardo Bernardi e Elio Nepomuceno de Andrade Junior (ambos do RS). Cartões amarelos: Eron, Pedro Bambu (Atlético/GO).

Fonte: Folha de PE, Blog de Primeira. Recife, 24/10/2015

Nenhum comentário: