quarta-feira, 2 de setembro de 2015

Santa Cruz 2 x 1 América-MG


Fotografia de Paullo Allmeida / Folha PE

SANTA CRUZ 2 x 1 AMÉRICA-MG

O Santa Cruz não jogou o seu melhor futebol. De fato, sentiu o duplo desfalque dos atacantes Grafite e Anderson Aquino. Mas coube aos substitutos, neste jogo, escreverem o 2×1 do placar final, nesta terça-feira, diante do América/MG, no estádio do Arruda. Com gols de Luisinho e Bruno Moraes, os tricolores alcançaram os 34 pontos, ficando assim a quatro pontos do G4 da Série B do Campeonato Brasileiro. O tento dos visitantes foi marcado por Tony.
Foram 45 minutos de pouca emoção no estádio do Arruda. Os erros de ambas as equipes impediram que jogadas de ataque pudessem ter sido criadas. Ao todo, apenas três lances de perigo acabaram protagonizados durante a primeira etapa do jogo. Mesmo assim, o futebol apresentado rendeu ao Santa Cruz a vantagem no placar. Apesar de não ter sido superior aos adversários mineiros, os anfitriões tricolores tiveram pouca resistência. A mesma afirmação pode ser atrelada também com os papeis trocados. Faltou, no entanto, a mesma efetividade ao América/MG.
Uma falha da defesa do Santa Cruz rendeu aos visitantes a primeira chance de perigo na partida. O centroavante Richarlison teve pouco cuidado e exagerou na força, quando finalizou. A bola passou por cima da meta coral. Aos 23 minutos, no entanto, os tricolores abriram o marcador. A jogada foi iniciada por Lelê, que cruzou a bola na área do América/MG. Em posição irregular, Bruno Moraes cabeceou na trave. No rebote, Luisinho só teve o trabalho de empurrar para o gol.
No segundo tempo, o Santa Cruz voltou com Daniel Costa na vaga de João Paulo. A equipe tricolor demorou a voltar pro jogo, com certa desatenção e maior posse de bola dos adversários. Os primeiros minutos contaram com certa blitz do América/MG. Tentando segurar sua defesa, os corais apostaram na velocidade de seu sistema ofensivo para chegar ao gol mineiro. Mesmo assim, poucas chances foram criadas.
Martelotte, então, mudou a equipe. Entrou Renatinho na vaga de Lelê. O América/MG também fez uma mudança, na saída de Richarlison para a entrada de Felipe Amorim. Aos 20 minutos, o recém-chegado atacante mineiro puxou a jogada e tocou para Mancini, que cruzou. Tony apareceu sozinho e empatou o jogo. Pouco antes, Rentatinho perdeu uma chance de ampliar o resultado. Foram necessários oito minutos para o gol da vitória coral dar números finais ao jogo. Após cruzamento de Marlon, Bruno Moraes apareceu sozinho e deu os três pontos para o Santa Cruz.

FICHA DE JOGO

SANTA CRUZ: Tiago Cardoso; Vitor, Alemão, Neris e Marlon (Sacoman); Wellington César, Moradei, João Paulo (Daniel Costa) e Luisinho; Bruno Moraes e Lelê (Renatinho). Técnico: Marcelo Martelotte.

AMÉRICA/MG: João Ricardo; Robertinho, Wesley Matos, Anderson Conceição e Raul (Xavier); Tony, Leandro Guerreiro, Rodrigo Souza e Mancini (Cristiano); Richarlison (Felipe Amorim) e Marcelo Toscano. Técnico: Givanildo Oliveira.

Local: Estádio do Arruda (Recife). Horário: 20h30. Árbitro: Vinicius Furlan (SP). Assistentes: Daniel Paulo Ziolli e Fabio Rogério Baestro (Ambos SP). Gols: Luisinho (aos 23 do 1ºT); Tony (aos 20 do 2ºT); Bruno Moraes (aos 28 do 2ºT). Cartão amarelo: Alemão (Santa Cruz); Raul, Mancini (América/MG). Público: 8.532. Renda: R$ 106.155,00.


Fonte: Folha de PE, Blog de Primeira, Recife, 01/9/2015

Nenhum comentário: