quinta-feira, 10 de setembro de 2015

Opções para a vaga de João Paulo


OPÇÕES PARA A VAGA DE JOÃO PAULO

Yuri de Lira

Marcelo Martelotte ainda não definiu quem vai substituir João Paulo. Nesta quinta e sexta-feira, fará testes no time para saber que jogador irá entrar no lugar do principal homem do setor de criação do Santa Cruz, suspenso após ter recebido o terceiro cartão amarelo. O técnico não pode se queixar de falta de opções para ocupar a vaga do meia. Não poderá contar com o recém-contratado Vinícius Reche, que chegou ao Arruda na última quarta e precisará de cerca de 15 dias para se adaptar fisicamente. Além de Daniel Costa - que o próprio treinador trata como substituto imediato de João Paulo na posição - existem outras variáveis para a partida do próximo sábado, diante do Luverdense, no Arruda. OSuperesportes esmiúça quais são elas.

A escolha pelo reserva imediato

Daniel Costa não joga, justamente, por que João Paulo ocupa o único posto de armador do time. O treinador alega que é praticamente impossível colocar ambos juntos por que eles têm um forma de atuação muito semelhante, o que atrapalharia a forma da equipe atuar. Com Martelotte, Daniel chegou a ser titular duas vezes, quando João Paulo viajou repentinamente à Europa e depois quando voltou e recebeu um “gancho” do treinador pelo sumiço. Se não quiser mexer nas características do Santa, esta troca seria a mais simples.

O “curinga” Renatinho

Embora tenha feito mais o papel de segundo volante ou ponta esquerda nesta Série B com Martelotte, Renatinho é meio-campista de origem. Depois de Daniel Costa, é o jogador do plantel com estilo de jogo que mais assemelha ao de João Paulo.

Lelê volta e Diogo Campos vira meia

Se Lelê - em fase final de recuperação após lesão na coxa - ficar à disposição, voltaria à titularidade na ponta esquerda e Diogo Campos, que o substituiu na rodada passada, seria uma alternativa para atuar como meia-central, função que o próprio já avisou que está habilitado para cumprir.

O retorno de Aquino
Relegado à reserva nas duas últimas rodadas, o vice-artilheiro da Série B ganha novamente chances de retornar à titularidade. No Estadual, Anderson Aquino já fez as vezes de meio-campista sob o comando de Ricardinho.

Mais uma aposta no prata da casa

Acionado como segundo volante há quatro rodadas, contra o Paraná, Marcílio chegou até a fazer gol naquela sua estreia pelos profissionais. O prata da casa, contudo, é meia de formação (era o camisa 10 do time Sub-20) e pode agora atuar na sua posição.

As últimas opções

Como últimas opções, Marcelo Martelotte tem ainda Emerson Santos - que ainda não atuou desde que o treinador assumiu a equipe - e Pedro Castro, que jogou três vezes com com o atual treinador, mas nunca como titular do time.

Fonte: Diario de PE, Recife, 10/9/2015

Nenhum comentário: