sábado, 5 de setembro de 2015

ABC 1 x 1 Santa Cruz


ABC 1 x 1 SANTA CRUZ

Nos pés de Anderson Aquino surgiu a oportunidade de o Santa Cruz emplacar a segunda vitória na Série B do Campeonato Brasileiro. Um pênalti, aos 41 minutos, foi assinalado. O jogador, que começou no banco de reservas, acabou desperdiçando a chance. E o empate em 1×1, diante do ABC, nesta sexta-feira, na Arena das Dunas, em Natal, acabou deixando um gosto amargo no paladar do torcedor tricolor. Com o ponto conquistado, os corais ficam em oitavo na tabela de classificação, com 35 minutos.
Diante de um adversário que tem sérios problemas quando joga em casa nesta Série B, o Santa Cruz começou o jogo se impondo. Mesmo assim, poucas chances de gol foram protagonizadas por ambas as equipes. Os primeiros dez minutos de jogo não agradaram, devido aos constantes erros de passe e pouca agressividade entre os adversários. Um lance de perigo, aos 16 minutos, no entanto, fez o torcedor do ABC ter o grito de gol engasgado na garganta. Após bola na área do Santa Cruz, Tiago Cardoso afastou e, em cima da linha, o lateral-direito Vítor tirou a bola, em chute de Rafael Miranda.
O susto serviu para o Santa Cruz acordar na partida. Se aproveitando de uma defesa adversária que imprimia pouca confiança, os tricolores passaram a rondar de forma mais constante a meta do goleiro Gilvan. E o primeiro gol foi anotado aos 24 minutos. O meia Luisinho recebeu pela direita e cruza. O arqueiro do ABC afastou e a bola sobrou para Moradei que, de primeira, estufou as redes dos donos da casa. Após o 1×0 no placar, a partida entrou em um período de morosidade.
Parecia que o primeiro tempo seria encerrado com a vitória parcial do Santa Cruz. Fato que não aconteceu. Aos 42 minutos, o volante Fábio Bahia conseguiu achar um belo passe para o atacante Rafael Oliveira, e o jogador bateu forte de canhota. Empate na Arena das Dunas. O gol marcado antes da descida para os vestiários fez a equipe potiguar voltar mais ligada na partida. Aos 5 minutos, Fábio Bahia chutou livre de marcação e Rafael Oliveira tenta completar, mas perdeu a chance.
Por pelo menos mais 20 minutos, o Santa Cruz teve de se segurar diante da pressão do ABC. A blitz foi tão intensa que a partida praticamente foi jogada no campo de defesa tricolor. O goleiro Tiago Cardoso, inclusive, foi o responsável por duas defesas importantes. Antes do final da partida, o Santa Cruz teve nos pés de Anderson Aquino a chance de garantir a vitória. Mas o jogador perdeu a cobrança, e o placar se manteve o mesmo.

FICHA DE JOGO

ABC: Gilvan; Ednei, Adriano Alves, Suéliton e Marcílio; Fábio Bahia (Jeferson Paulista), Rafael Miranda, Bismark e Wellington Bruno; Edno (Cleyton) e Rafael Oliveira. Técnico: Hélio dos Anjos.

SANTA CRUZ: Tiago Cardoso; Vitor (João Carlos), Alemão, Danny Morais e Marlon (Diego Sacoman); Wellington César, Moradei, João Paulo, Renatinho (Anderson Aquino) e Luisinho; Grafite. Técnico: Marcelo Martelotte.

LOCAL: Arena das Dunas (Natal/RN). HORÁRIO: 19h. ÁRBITRO: Bráulio da Silva Machado (Fifa/SC). ASSISTENTES: Neuza Ines Back e Nadine Schramm Camara Bastos (ambos Fifa/SC).
GOLS: Moradei (aos 24 do 1ºT) Rafael Oliveira (aos 42 do 1ºT). CARTÕES AMARELOS: Fábio Bahia, Clayton, Gilvan (ABC); Alemão, Moradei (Santa Cruz). PÚBLICO E RENDA: Não divulgados.


Fonte: Folha de PE, Blog de Primeira, Recife, 04/9/2015

Nenhum comentário: