sábado, 18 de julho de 2015

A volta de Daniel Costa


A VOLTA DE DANIEL COSTA

William Tavares

Preterido pelo técnico Marcelo Martelotte nas últimas rodadas, o meia Daniel Costa volta a receber uma chance na equipe titular do Santa Cruz. É bem verdade que a utilização dele acontecerá por conta da suspensão de João Paulo, só que o meia sabe que uma boa atuação pode colocar uma ponta de dúvida na cabeça do treinador para o restante do campeonato.
Ao lado de Bileu, Renatinho e Lelê, Daniel Costa formará o meio-campo coral. Um quarteto um pouco diferente do que vinha atuando, já que além de João o time também não terá Wellington Cezar. “Sabia que a oportunidade poderia aparecer novamente. Mesmo eu tendo saído da equipe titular eu continuei trabalhando. Respeito sempre a opção do treinador, mesmo ficando fora por cinco partidas. Espero encarar essa chance para mostrar meu potencial e dar uma dor de cabeça boa para ele”, contou o meia. “Imagino que, com esse esquema, teremos um time mais compacto, com mais posse de bola também”, completou.
Uma das armas de Daniel Costa para agradar Martelotte é a bola parada. “O futebol está muito dinâmico e tem jogos que são decididos na bola parada. Como tenho essa característica de um chute bom de fora da área, vou caprichar nesse quesito”, contou.
O atleta ainda colocou um ponto final nos rumores de que ele tinha entrado em atrito com o treinador coral. “Não teve briga. Tanto que lá no América/RN eu joguei com ele. Entrava no decorrer dos jogos. Respeito as opções dele e vou seguir trabalhando. Claro que jogador que fica contente por ficar no banco está na profissão errada, mas no meu contrato não tem nada dizendo que vou ser titular. Num clube com 30,33 jogadores sei que nem todos vão jogar. Mas o mínimo que posso fazer é treinar para estar pronto quando a oportunidade aparecer”, finalizou.

TIAGO CARDOSO

Foi inevitável o meia não comentar sobre o retorno do goleiro Tiago Cardoso. Recuperado de uma lesão que o tirou dos gramados há oito meses, o camisa 1 será titular contra o Atlético/GO, sábado (18), no Arruda. “São poucos os jogadores que ficam tantos anos no mesmo clube. Por isso ele tem esse carinho do torcedor, dos diretores. Fred e Bruno também são excelentes goleiros, mas a volta do Tiago é muito importante”, pontuou.

Fonte: Blog de Primeira, Folha de PE, Recife, 17/7/2015

Nenhum comentário: