quinta-feira, 4 de junho de 2015

A saída de Biteco


A SAÍDA DE BITECO

Yuri de Lira

O que já era esperado se confirmou. Há 10 dias sumido do Santa Cruz após ter sido liberado por Ricardinho para resolver "pendências particulares", Guilherme Biteco confirmou que não seguirá mesmo no time tricolor. Após ter se reunido em Porto Alegre-RS com o seu empresário, Jorge Machado, e o representante no Brasil do Hoffenheim - clube que detém os seus direitos econômicos -, o meia confirmou a sua saída do Arruda.
Com propostas, que prefere não revelar, Biteco não crava quando retornará ao Arruda. Mas, sem querer detalhar os motivos da sua saída, garante que a volta ao Recife será apenas para rescindir contrato com o Santa Cruz, que duraria até dezembro caso não fosse rompido. "Estou ainda decidindo o meu futuro. Estarei voltando nos próximos dias. Volto só para rescindir para ir para outro clube. Não fico mais no Santa Cruz", falou o meio-campista.
Revelado pelo Grêmio em 2012 e com passagem discreta pelo Vasco, no ano passado, Biteco fez oito jogos pelo Santa Cruz, seis como titular - todos pelo Estadual. Balançou as redes apenas uma vez, justamente em sua estreia pelo Santa - na vitória por 2 a 1 contra o Central, em Caruaru. Desde então, foi aos poucos perdendo espaço no time até ficar de fora do banco de reservas nas quatro últimas rodadas da Segundona devido ao "sumiço".
Atualmente, o Santa Cruz conta com cinco meias: além do novato Daniel Costa, Pedro Castro, João Paulo, Emerson Santos e ainda o prata da casa Raniel - que está suspenso por quatro meses pelo Superior Tribunal de Justiça (STJD) por uso de cocaína e ainda machucado no joelho direito.

Fonte: Diario de PE, Recife, 03/6/2015

Nenhum comentário: