domingo, 17 de maio de 2015

Ricardinho gostou


RICARDINHO GOSTOU

Yuri de Lira

O técnico Ricardinho não escondeu a satisfação depois da goleada do Santa Cruz sobre o Paraná, no Arruda. O técnico coral elogiou a atuação do time na vitória por 4 a 1, exaltou a coletividade do grupo e ressaltou a melhora dos jogadores na finalização em relação ao jogo contra o Macaé-RJ, na estreia na Série B - quando o Tricolor cansou de perder gols e saiu derrotado por 2 a 0.
"Tão importante quanto a vitória de foi a manutenção do nosso trabalho de bola, da nossa criatividade. A vitória foi merecida e a produtividade que tivemos foi boa. Na semana passada (diante do Macaé), nós tivemos mais oportunidades de gols do que hoje (sexta). Mas agora conseguimos criar as oportunidades e transferir essas oportunidades para gols. O que me deixa satisfeito é a produtividade. É assim que uma equipe pode ir bem", falou Ricardinho.
Fez questão de entrar em defesa dos atacantes, contestados na rodada passada, mas que desta vez, desencantaram - com Anderson Aquino e Nathan. Antes de exaltá-los, porém, preferiu falar do trabalho coletivo. "O mais difícil no futebol é ter uma defesa equilibrada e um meio de campo criativo. Acho que conseguimos isso. E estávamos, agora, tranquilos para finalizar de maneira correta", afirmou. "É importante valorizar as presenças. Você ganha jogo com o time, mas ganha campeonato com o grupo. Estamos mostrando isso nas três primeiras rodadas", emendou.
Em meio a todo o discurso de enaltecimento, também pregou a cautela. Não quer se empolgar com a goleada. Tampouco colocar o Santa Cruz num patamar de favorito para subir de divisão. "Ainda é muito cedo. É prematuro qualquer colocação. Temos que conquistar o favoritismo jogando. É rodada a rodada. Temos que ter qualidade de jogo. Acho que você se candidata e ai você passa a ter qualidade e ser candidato. Estamos em um momento de mudança no grupo de jogadores e temos que nos concentrarmos."

Fonte: Diario de PE, Recife, 16/5/2015

Nenhum comentário: