domingo, 8 de março de 2015

A solução


A SOLUÇÃO

Paulo Henrique Tavares

A lateral direita do Santa Cruz segue sendo o problema que mais esquenta a cabeça do técnico Ricardinho. Após testar dois especialistas na função – Moises e Nininho -, o comandante tricolor parece ter encontrado uma solução temporária com a improvisação do volante Bileu. O jogador deve seguir sendo acionado, pelo menos, até o final do Campeonato Pernambucano. Isso porque um outro nome pode estar próximo de defender as cores corais no restante da temporada: João Carlos, do Serra Talhada.
Ainda não há nenhuma confirmação de negócio entre o clube e o jogador. Perguntado sobre a chance de o atleta desembarcar no Arruda, o vice-presidente de futebol do clube, Constantino Júnior, preferiu a cautela. “Ele é um atleta interessante. É apenas isso é o que eu posso falar no momento. Até porque, mesmo contratado, ele não poderia atuar pelo Santa Cruz, pois vem jogando pelo Serra Talhada desde o início do Campeonato Pernambucano”, disse o dirigente.
Nas duas partidas contra o Náutico, Ricardinho optou por Moisés para ocupar a vaga na direita. O atleta não agradou. Contra o Salgueiro, amanhã, Bileu retornará a posição. “Bileu não atuou na lateral contra o Náutico porque João Paulo estava suspenso, no primeiro jogo e Sitta não teve condição de jogar no segundo. Ele (Bileu) é um atleta que, quando atuou na lateral, mostrou muita consistência e pode nos dar boa condição”, justificou o treinador, referindo-se ao fato de não ter dado sequência ao atleta nos últimos jogos
O fato de ter de improvisar Bileu, em detrimento aos dois da posição que tem no grupo, parece não incomodar Ricardinho. Segundo o comandante coral, o clube não pode ficar dependendo de um ou outro atleta. É preciso demonstrar a força do elenco como um todo. “Ganhamos competições com um grupo e não com um time. Então, acredito que todos são importantes”, disse.
Para a outra lateral, o treinador não tem os mesmos problemas. Além de contar com Renatinho e Léo Veloso, o Santa Cruz anunciou, ontem, a contração de Tiago Costa. O atleta, que havia jogado no clube por dois anos e meio, estava desempregado, após uma passagem não muito feliz pelo Ceará. Com a camisa tricolor, o lateral conquistou o Estadual de 2013, além do Brasileiro da Série C.

Fonte: Blog de Primeira, Folha de PE, Recife, 07/3/2015

Nenhum comentário: