sábado, 27 de outubro de 2012

Prontos para a decisão


Chicão é natural de Marabá

PRONTOS PARA A DECISÃO

A longa viagem até Marabá não impediu o técnico Zé Teodoro de realizar um treinamento, ontem à tarde, no campo do Cruzeiro, time da cidade paraense. A movimentação começou por volta das 17h, mas de forma leve, sem exigir demais do grupo. O comandante tricolor, mais uma vez, evitou confirmar a escalação para o jogo decisivo de amanhã, contra o Águia, no Estádio Zinho de Oliveira, que vale a classificação às quartas de final da Série C do Brasileiro.
O tricolor enfrentou uma pequena maratona. A delegação embarcou no Recife às 7h15 e fez uma escala em Belém. Só depois do almoço o time seguiu para Marabá e chegou por volta das 15h. No total foram 8h de viagem até o interior do Pará.
Um jogador estava muito à vontade. Afinal, o volante Chicão é paraense de Marabá e espera reencontrar os familiares, principalmente com a classificação assegurada. “Estou em casa. Mas o momento é de total concentração para o jogo. Para a gente é uma final. É como fosse a última partida da competição valendo o título”, comentou volante, sem esquecer a recepção da torcida no embarque da delegação no Aeroporto Internacional do Recife.
“O torcedor compareceu e nos surpreendeu, especialmente porque a viagem estava marcada para muito cedo. Tenho certeza de que no nosso retorno terá muito mais gente nos esperando, pois vamos trazer a classificação”, acrescentou confiante Chicão, que cumpriu suspensão e retorna ao time na vaga de Sandro Manoel.
Com 22 pontos e na quarta colocação do Grupo A, o Santa Cruz só precisa de uma vitória simples para se garantir na próxima fase. Uma vitória descarta qualquer dependência dos resultados dos outros jogos. O Icasa, quinto com 21 pontos, luta por uma vaga, e recebe o Paysandu, terceiro com 24. Mas os tricolores não falam em combinação e nem pensam em empate. Além disso, o time vai em busca da primeira vitória fora de casa. Foram quatro derrotas e quatro empates, enquanto o Águia está invicto em casa, mas ocupa a 9ª posição com 19 pontos e luta contra o rebaixamento à Série D.
Toda esta situação, no entanto, só deixa o time mais motivado. No embarque da delegação, a exemplo de Chicão, o volante Memo também só mostrou mais motivação. “O calor da torcida ajuda e nos motiva ainda mais. Vamos enfrentar dificuldades, o campo de Marabá não é bom. Mas treinamos no Olindão e no Ademir Cunha, que possuem gramados semelhantes. O momento, agora, é de superação e para colocar a alma no jogo.”
Hoje, o time ainda realiza mais um treino. Além do retorno de Chicão, o atacante Flávio Caça-Rato volta no lugar do meia Leozinho, suspenso, e fará a dupla de ataque com Dênis Marques.
A escalação: Tiago Cardoso, Marcos Pimentel, Vágner, Édson Borges e Tiago Costa, Memo, Chicão, Luciano Henrique e Renatinho, Dênis Marques e Flávio Caça-Rato.

Publicado no Jornal do Commercio, Recife, em 27/10/2012

Nenhum comentário: